Translate - Tradutor

VISITANTES

Seguidores Amados

Pesquisar este blog

5 de dez de 2011

Somos irmão


"Ninguém nasce odiando outra pessoa
pela cor de sua pele,
ou por sua origem, ou sua religião.
Para odiar, as pessoas precisam aprender,
e se elas aprendem a odiar,
podem ser ensinadas a amar,
pois o amor chega mais naturalmente
ao coração humano do que o seu oposto.
A bondade humana é uma chama que pode ser oculta,
jamais extinta" Nelson Mandela

25 de nov de 2011

E esta é a promessa que ele nos fez: a vida eterna. 1 João 2:25

No processo de conhecer a vontade de Deus para nossa vida, é preciso ter a atitude que reflita a compreensão de que cada um de nós é um filho espiritual de Pais Celestiais. O Senhor sabe quem somos nós. Ele nos conhece. Sabe o que pensamos e o que sentimos, no mais profundo da nossa alma. Ele também sabe o que é melhor para nós, mesmo que, às vezes, possa gerar alguma angústia ou tristeza. Ele sabe o que melhor se reverterá em nosso benefício, pois conhece o fim desde o começo. Também sabe o tipo de ajuda que precisamos no dia-a-dia.



"Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho Unigénito, para que todo o que nele cré não pereça, mas tenha a vida eterna" (João 3:16). ...

Promessa de Deus - SUD

11 de nov de 2011

O poder da mãe




A mãe tem um poder marcante na vida de cada ser humano. Nos nove meses em que ficou em gestação dentro do ventre materno, recebeu dela muitos estímulos pelo líquido uterino, morno e aconchegante, ouvia as setenta e duas batidas por minuto do seu coração, sentia as vibrações, pressão e movimentos do seu corpo, durante o andar ou o seu falar.

Sentia até quando a mãe acariciava a barriga como se estivesse acariciando o bebê, estímulos físicos que a acalmavam e também ao feto. Ao sair do ambiente aconchegante do útero materno, no qual sentia-se bem, protegido e em segurança, o bebê obviamente continua a receber de sua mãe os estímulos físicos e psicológicos, além dos cuidados que o fazem, nesse período sentir-se bem e feliz: é amamentado, cuidado, abraçado, beijado, acariciado, embalado, lavado, carregado, etc. Quando o bebê vai crescendo, desenvolvendo a sua independência como ser humano, ele recebe ainda grande influência de sua mãe, além de outros adultos que com ele convivem.

O poder de uma mãe na vida de cada ser humano é tão forte que poderá formar uma personalidade sadia ou desequilibrada na criança, dependendo de como a mãe a trata e estimula. Se cada mãe fizer bem o seu trabalho, na sua importante missão como educadora e incentivadora de uma vida saudável na criança, certamente os resultados serão muito positivos. Uma mãe incentivadora dará estímulos positivos ao filho como, por exemplo: "Amo você, como fico feliz de você ter nascido meu filho/a", "Parabéns, está muito bom isso que fez", "Você é inteligente e uma boa criança", "Sei que você é capaz de fazer, tente de novo".

Feliz da criança que tiver uma mãe que lhe dá estímulos positivos como esses, estímulos de amor, de aceitação e de confiança, que sabe valorizar os seus acertos e que sabe agir quando a criança erra, orientando-a para aprender a fazer o certo. Esse é o agir de uma mãe com atitudes de firmeza mas com um coração enorme, formando um filho saudável, uma pessoa com qualidades humanas. Uma mãe que faz a criança aprender as regras de um conviver sadio, aprendendo a ser disciplinada nas coisas da vida, e a aprender os limites que existem, evitando que a criança desenvolva a atitude de que "pode tudo" sendo uma "pequena tirana", dominando os pais com suas birras e vontades, e em casos extremos, ache normal realizar atos de vandalismo, a ser agressiva e violenta.

É preciso que haja, cada vez mais, mães educadoras e estimuladoras, mães atentas e interessadas no desenvolvimento dos seus filhos. Agindo assim, essas mães estarão influenciando positivamente na formação da personalidade da criança, formando nelas uma auto-imagem positiva. Essa formação saudável influenciará toda a vida daquela criança levando-a, quando adulta, a ser equilibrada e feliz, contribuindo para que a sociedade humana seja melhor, com pessoas de qualidade.

Ao contrário disso, se uma mãe der à criança mensagens negativas, depreciativas ou agressivas, certamente estará formando uma personalidade problemática. Mensagens negativas como, por exemplo: "Você não deveria ter nascido, detesto você!", "Espera só seu pai chegar para ver a surra que vai levar!", "Não adianta tentar, você não é capaz de fazer", "Desça já daí! Você não tem capacidade para subir aí!", "Como você é burra!", "Como você é lerda para aprender!", "Burrice igual à sua eu nunca vi!", "Você é surda, sua idiota?!" Estímulos negativos como esses certamente irão contribuir para formar uma criança insegura, medrosa ou agressiva, com problemas de relacionamento e até uma criança violenta, que terá problemas de aceitação de si mesma e dos outros. Quando a mãe é educadora negativa está, na realidade realizando um grande desperdício de oportunidades para formar um filho saudável e equilibrado. Na adolescência ou na vida adulta desse filho, é que a mãe (e a sociedade) colherá "a tempestade" dos desequilíbrios que ela própria, como mãe, plantou na educação do filho.

A sociedade atual necessita urgente de mães que realizem ações para que seus filhos evoluam com personalidades saudáveis e equilibradas, contribuindo assim, para que a sociedade seja formada por crianças, jovens e adultos melhores. Ainda é tempo, ainda é possível realizar mudanças para uma sociedade melhor. Você que é mãe, faça bem a sua parte!

31 de out de 2011

Uma Fé Global



A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias tem mais de 13,8 milhões de membros em mais de 160 países e é, segundo órgãos de pesquisa internacionais, uma das religiões que mais crescem no mundo.

Esse desenvolvimento está fortemente relacionado a sua doutrina centrada em Jesus Cristo e à valorização da família como instituição divina e elementar de qualquer sociedade.

Hoje cerca de 52 mil missionários da Igreja, que se expressam em cerca de 50 idiomas diferentes, servem voluntariamente em centenas de países. Existem mais de 340 missões no mundo. No Brasil são cerca de 4.500 missionários, atuantes em 27 missões. Desses, mais da metade são brasileiros e os demais, oriundos de países como os Estados Unidos da América. A maioria deles paga as próprias despesas.

Com a permissão do governo, esses representantes compartilham o evangelho de Jesus Cristo com as famílias por um período de dois anos.

Semanalmente, eles consagram um total de 240 mil horas a serviços comunitários nas regiões em que residem.

Os missionários desenvolvem grande amor e carinho pelas pessoas às quais atendem. Assim, quando terminam suas missões e voltam para casa, tornam-se defensores perpétuos do povo e do país onde serviram.

20 de out de 2011

Filho é um ser...





"Filho é um ser que nos emprestaram para um curso intensivo de como amar alguém além de nós mesmos, de como mudar nossos piores defeitos para darmos os melhores exemplos e de aprendermos a ter coragem. Isto mesmo ! Ser pai ou mãe é o maior ato de coragem que alguém pode ter, porque é se expor a todo tipo de dor, principalmente da incerteza de estar agindo corretamente e do medo de perder algo tão amado. Perder? Como? Não é nosso, recordam-se? Foi apenas um empréstimo".

12 de set de 2011

Simone



Hoje é o seu aniversário, um dia muito feliz para mim, pois sem o seu apoio e a sua atenção a minha vida seria muito mais difícil e complicada. Poder contar com o seu amor fraternal é um motivo de conforto e tranqüilidade.
Nas minhas orações, sempre lembro de pedir a Deus que ilumine o seu caminho e que lhe conceda todas as graças, que proporcione condições para que você tenha um caminho feliz e realize todos os seus desejos, pois você é uma pessoa boa, justa e solidária e, portanto, merece viver em estado de profunda alegria.
Alguém como você, que se preocupa com as pessoas que te cercam e com todos os seres que habitam o planeta; alguém como você que está sempre pronta para ouvir os amigos, para consolar os irmãos e para cuidar e amar as pessoas em sua volta.

Merece todos os presentes e todas as bençãos de aniversário.
Por tudo o que você representa para mim, por tudo o que você representa para todos os que têm a sorte de desfrutar da sua companhia e atenção, só me resta desejar-lhe tudo de bom, tudo de ótimo!
Que você tenha uma linda e agradável passagem de aniversário.

Beijos e parabéns,
Karina B.S. Felipe.

9 de set de 2011

O que te faz feliz?


Acho a maior graça.
Tomate previne isso, cebola previne aquilo, chocolate faz bem, chocolate faz mal, um cálice diário de vinho não tem problema, qualquer gole de álcool é nocivo, tome água em abundância, mas não exagere…
Diante desta profusão de descobertas, acho mais seguro não mudar de hábitos. Sei direitinho o que faz bem e o que faz mal pra minha saúde.
Prazer faz muito bem. Dormir me deixa 0 km. Ler um bom livro faz-me sentir novo em folha. Viajar me deixa tenso antes de embarcar, mas depois rejuvenesço uns cinco anos. Viagens aéreas não me incham as pernas; incham-me o cérebro, volto cheio de ideias.
Brigar me provoca arritmia cardíaca. Ver pessoas tendo acessos de estupidez me embrulha o estômago. Testemunhar gente jogando lata de cerveja pela janela do carro me faz perder toda a fé no ser humano.
E telejornais… os médicos deveriam proibir – como doem!
Caminhar faz bem, dançar faz bem, ficar em silêncio quando uma discussão está pegando fogo, faz muito bem! Você exercita o autocontrole e ainda acorda no outro dia sem se sentir arrependido de nada.
Acordar de manhã arrependido do que disse ou do que fez ontem à noite é prejudicial à saúde!
E passar o resto do dia sem coragem para pedir desculpas, pior ainda!
Não pedir perdão pelas nossas mancadas dá câncer, não há tomate ou mussarela que previna.
Ir ao cinema, conseguir um lugar central nas fileiras do fundo, não ter ninguém atrapalhando sua visão, nenhum celular tocando e o filme ser espetacular, uau!
Cinema é melhor pra saúde do que pipoca!
Conversa é melhor do que piada.
Exercício é melhor do que cirurgia.
Humor é melhor do que rancor.
Amigos são melhores do que gente influente.
Economia é melhor do que dívida.
Pergunta é melhor do que dúvida.
Sonhar é melhor do que nada!

5 de set de 2011

Catedral - Hoje

 

Sem pensar no amanhã o amanhã não
                                              pertence a você nem a mim  
O amanhã, pertence a Deus!

1 de set de 2011

Oração do Amigo



Há muito se diz que quem encontrou um amigo encontrou um tesouro precioso.

Há muito se diz que amizade verdadeira dura pra sempre. Não tem aquelas tempestades da paixão e nem a calmaria exagerada do descompromisso. É o meio termo. É a bonita sensação do estar perto e, de repente, deixar o silêncio chegar. Não exige tanto. Exige tudo.

As amizades nascem do acaso… ou de alguma força que faz com que uma simples brincadeira, uma informação, um caderno emprestado, uma dor seja capaz de unir duas pessoas. E a cumplicidade vai ganhando corpo, e o desejo de estar junto vai aumentando, e, com ele, a sensação sempre boa do poder partilhar, de se doar.

Há muito se diz que os amigos verdadeiros são aqueles que se fazem presentes nos momentos mais difíceis da vida. Naqueles momentos em que a dor parece querer superar o desejo de viver. De fato, os amigos são necessários nesses momentos. Mas, talvez, a amizade maior seja aquela em que o amigo seja capaz de estar ao lado do outro nos momentos de glória, e vibrar com essa glória. Não ter inveja. Não querer destruir o troféu conquistado. Aplaudir e se fazer presente. Ser presente.

A amizade não obedece à ordem da proporcionalidade do merecimento. Não há sentido em querer de volta tudo o que com generosidade se distribuiu. A cobrança esmaga o espontâneo da amizade. E a surpresa alimenta o desejo de estar junto. O amigo gosta de surpreender o outro com pequenos gestos. Coisas aqui e ali que roubam um sorriso, um abraço, um suspiro. E tudo puro, e tudo lindo.

Há muito se diz que não é possível viver sozinho. A jornada é penosa e, sem amparo, é difícil caminhar. Juntos, os pássaros voam com mais tranquilidade. Juntas, as gaivotas revezam a liderança para que nem uma delas se canse demais. Juntos, é possível aos golfinhos comentarem a beleza de um oceano infinito. Juntos, mulheres e homens partilham momentos inesquecíveis de uma natureza que não se cansa de surpreender.

Eu te peço, Senhor, nessa singela oração, que me dês a graça de ser fiel aos meus amigos. São poucos. E impossível seria que fossem muitos. São poucos, mas são preciosos. Eu te peço, Senhor, que me afastes do mal da inveja que traz consigo outros desvios. A fofoca. A terrível fofoca que humilha, que maltrata, que faz sofrer. Eu te peço, Senhor, que o sucesso do outro me impulsione a construir o meu caminho, e que jamais eu tenha ânsia de querer atrapalhar a subida de meu amigo. Eu te peço, Senhor, a graça de ser leal. Que eu saiba ouvir sempre e saiba quando é necessário falar.

Senhor, sei que a regra de ouro da amizade consiste em não fazer ao amigo aquilo que eu não gostaria que ele me fizesse. E te peço que eu seja fiel a essa intenção. E sei que essa regra fará com que o que se diz há tanto tempo se realize na minha vida. Que eu tenha poucos amigos, mas amigos que permaneçam para sempre. Não poderia ter muitos. Não teria tempo para cuidar de todos. E de amigo a gente cuida. Amigo a gente acolhe, a gente ama.

Senhor, protege os meus amigos.

Que, nessa linda jornada, consigamos conviver em harmonia. Que, nesse lindo espetáculo, possamos subir juntos ao palco. Sem protagonista. Ou melhor, que todos sejam protagonistas, e que todos percebam a importância de estar ali. No palco. Na vida.

Obrigado, Senhor, pelo dom de viver e de conviver. Obrigado, Senhor, pelo dom de sentir e de manifestar o meu sentimento. Obrigado, Senhor, pela capacidade de amar, que é abundante e é sem-fim.

Gabriel Chalita

30 de ago de 2011

Srª FELIPE



As pessoas têm o direito de não gostar do meu jeito, mas às vezes gostam tanto que levam um pouco dele com elas. O meu amor eu guardo para os mais especiais. Não sigo todas as regras e às vezes ajo por impulso.. Erro; admito. Aprendo; ensino.. Todos erram um dia: por descuido, inocência ou maldade. As pessoas julgam, eu julgo. Não sou qualquer uma, tenho meus limites e respeito meus sentimentos. Mudo de opinião, mas não mudo meus princípios.

29 de ago de 2011

Girias Capixabas

O CARANGUEIJO CAPIXABA


Em qualquer lugar do Brasil a bola ESTOURA; para o capixaba ela "POCA" (pronuncia-se "POCA", com enfase no "o", por sinal, "pocar" é um verbo que só existe na lingua Capixaba: Eu poco, tu pocas, ele poca...).
- Capixaba não VAI EMBORA, "POCA FORA". Ex: Vamos POCAR fora? ou, To POCANDO fora! Pode ser usado também: Tô pocando pra praia! E foi inspirado neste verbo que o administrador deste blog se inspirou para criar este blog 100% Capixaba!
- Capixaba quando quer contar uma mentira, ou quer enganar alguem diz que "PASSOU O CAÔ". ex. Passei o Caô no professor... ele bem que acreditou., ou, Fulano tá muito caô, conta cada uma...
- O Capixaba não fala da Carol, ou do Roberto, eles falam de Carol, de Roberto. Da, e do, não existem.
- Capixaba adora falar "Ninguém merece" pra tudo. Ex. Ninguem merece esta aula., ou, Ninguem merece fulano aqui perto.
- Capixaba não ROUBA, "CATA". Ex. Catei a borracha de Fulana!
- Capixaba não DESEMBARCA DO ÔNIBUS, ele "SALTA". Ex. Vou SALTAR no próximo ponto.
- Capixaba não tem medo de LAGARTIXA, mas sim de "TARUIRA".
- Capixaba não VAI AO CENTRO, vai a "CIDADE".
- Capixaba não BEIJA MULHER, "PEGA (ou 'PANHA)". Ex. Panhei 3 esta noite.
- Capixaba não SE ESPANTA, fala "IÁ" (o equivalente ao "UAI" dos mineiros...).
- Capixaba não PEGA ÔNIBUS, pega "BUZÃO" ou "TRANSCOL".
- Capixaba não se ESTRESSA, fica "INJURIADO".

- Capixaba não SENTE AGONIA, ele "SENTE GASTURA".
- Capixaba não diz COMO VAI, diz "QUALÉ".
- Capixaba não liga o PISCA, "DÁ SETA". Ex. Dá a seta seu @&(*&¨#@!!
- Capixaba não pára no semáforo, pára "NO SINAL".
- Para o capixaba as coisas não estragam, "DÃO TILT". Ex. Deu Tilt no meu computador!
- Capixaba não fala NÃO, fala "É RUIM, HEIN!". (A Sílaba tônica é o RU)
- Capixaba não come pão FRANCÊS, come "PÃO DE SAL"..
- Capixaba inicia as frases com "DEIXA FALAR...".
- Capixaba não chupa TANGERINA, chupa "MEXERICA".
- Capixaba não acha alguns alimentos sem AÇÚCAR, acha "SEM DOCE".
- Capixaba não LAVA COM ESPONJA, lava com "BUCHA".
- Capixaba não acha LEGAL, acha "MASSA".
- Capixaba não SAI a NOITE, ele vai "PROS ROCK", mesmo se "os rock" for Techno, Axé, Reggae, Pagode, Funk... Ex. Onde é o Rock hoje?, ou, Já tô indo pro rock!! (apenas o ato de sair de casa à noite.)
- Capixaba não acha SEM GRACA, ele acha "PALHA". Ex. Muito palha aquele filme!
- Capixaba não faz o retorno com o carro, faz "BALISA". Ex. Faz um balisa ali.

26 de ago de 2011

Ser Mãe


Ser mãe não é apenas carregar no ventre, por alguns meses, um óvulo fecundado! Ser mãe não é somente passar pela dor cruciante de trazer um filho ao mundo! Ser mãe não é simplesmente dar o alimento, vestir e cuidar do físico e dos estudos! Ser mãe não é embonecar uma criança, fazendo dela um enfeite, um “bibelô”! Ser mãe é muito mais do que isso! Ser mãe é dividir o que se tem, sempre priorizando os filhos; Ser mãe é cuidar, amar, amar e amar! Ser mãe é depender da graça de Deus dia após dia, hora após hora, minuto após minuto; Ser mãe é estar na dependência total do Deus Maravilhoso que não falta nunca, que sempre nos protege e nos ampara; Ser mãe é se sentir abençoado por ter recebido do Senhor o privilégio de tomar conta de um pequeno ser; Ser mãe é ver o seu amor imperfeito comparado ao perfeito amor do grande Deus. Ser mãe é envelhecer sorrindo; Mesmo na solidão do ninho que ficou vazio; Porque sabe que cumpriu a sua parte; E o que faltou, o Pai celeste completará; Pois dele vem a promessa: “Não temas, pois Eu estou contigo em todo momento”. Ser mãe é ser feliz somente por ser mãe!

Ser casada é ...


Dormir coladinho, dormir de calcinha, dormir sem calcinha...
Acordar sorrindo, acordar suado, acordar pelado...
Catar roupa suja, catar roupa limpa, catar roupa espalhada, catar cueca jogada... argh

Ser casada é ter um espaço que é só teu, ter alguém que não é só teu mas é como se fosse.
É receber carinho ao acordar, beijinho pra trabalhar e um abraço apertado quando chegar.

Ser casada é ter alguém por perto quando tudo parece estar de cabeça pra baixo, quando você está perdida, e se sentindo abandonada.
É fazer planos, desejar uma casa maior, um carro melhor e um orçamento muuuito mais alto.
É assistir filme coladinho, comer pipoca, assistir jornal, e não se preocupar com a hora de ir embora.
É fazer compras e achar esse o passeio mais legal do mundo. É encher o carrinho de besteiras e descobrir que não dá pra sobreviver só com isso.

Ser casada é você cozinhar e ele lavar a louça. Você colocar a roupa na maquina e ele estender. Você arruma o quarto, ele a sala. O banheiro e a cozinha limpam juntos, e é sempre bom terminar juntos...

Ser casada é se adaptar a nova rotina, sentir falta das amigas, da bagunça. É brigar por besteira e se reconciliar na cama. É lavar, passar, cozinhar, limpar, chorar, gritar, beijar, sorrir e amar, amar demais.

Ser casada não é fácil, é respirar fundo... é respeitar o outro. É querer sumir e até querer voltar a antiga vida, mas é tão bom dormir coladinho, sorrir junto, chorar junto, brincar junto... que você desiste e percebe que é bom ser noiva, mas melhor ainda é ser casada.


Ai ai, ainda me adaptando a nova vida... é difícil. As vezes ainda tenho minhas crises, mas ainda assim não troco a vida e o momento que estou vivendo por nada.

11 de ago de 2011

Meu chá de bebê!!!

Meu chá de bebê foi ótimo!!! Agradeço primeiramente todos que participaram, a presença de cada um foi fundamental para minha imensa alegria e dos meus pais!

Agradeço também pelos presentes. Obrigaduuuuuuuuuuuuuu!!!!!!!

Veja as fotinhas abaixo....

Tô feliz da vida! Minha festinha foi um sucesso graças à vcs!!!!

Bjos do Gabriel Felipe






4 de ago de 2011

EU SOU FELIZ ASSIM !! *



Já chorei até adormecer.
Já ri até de me doer a barriga.
Já quis ser diferente.
Já me escondi atrás das cortinas
e esqueci-me dos pés de fora.
Já fiz tudo e nada por alguém.
Já construí castelos na areia.
Já ouvi tudo e mais alguma coisa.
Já chorei a ouvir música e já ri em alto e bom som.
Já tentei esquecer algumas pessoas, mas descobri
que essas são as mais difíceis de se esquecer.
Já disse disparates.
Já meti os pés pelas mãos e já chorei.
Já chorei por pessoas que me magoaram tanto.
Já fiquei sozinho no meio de tantas pessoas
e só a sentir falta de uma só.
Já me magoei para não magoar outros.
Já corri meio mundo para estar com alguém.
Já cometi vários erros e já aprendi com eles.
Já ouvi elogios.
Já tive medo de tudo e todo,
já vi o arco-íris por cima de mim.
Já tremi de nervos.
já chorei de alegria.
Já sonhei com reis e rainhas, já quis ser iguais a eles.
E já me interroguei de como será a minha princesa.
Já acordei no meio da noite e fiquei com medo de me levantar .
Agora grito de felicidade
E agora digo com alguma satisfação,
EU SOU FELIZ ASSIM !! *

3 de ago de 2011

de Vinícius de Moraes



Um dia a maioria de nós irá se separar. Sentiremos saudades de todas as conversas jogadas fora, as descobertas que fizemos, dos sonhos que tivemos, dos tantos risos e momentos que compartilhamos...

Saudades até dos momentos de lágrima, da angústia, das vésperas de finais de semana, de finais de ano, enfim... do companheirismo vivido... Sempre pensei que as amizades continuassem para sempre...

Hoje não tenho mais tanta certeza disso. Em breve cada um vai pra seu lado, seja pelo destino, ou por algum desentendimento, segue a sua vida, talvez continuemos a nos encontrar, quem sabe... nos e-mails trocados...

Podemos nos telefonar... conversar algumas bobagens. Aí os dias vão passar... meses... anos... até este contato tornar-se cada vez mais raro. Vamos nos perder no tempo...

Um dia nossos filhos verão aquelas fotografias e perguntarão: Quem são aquelas pessoas? Diremos que eram nossos amigos. E... isso vai doer tanto!!! Foram meus amigos, foi com eles que vivi os melhores anos de minha vida!

A saudade vai apertar bem dentro do peito. Vai dar uma vontade de ligar, ouvir aquelas vozes novamente... Quando o nosso grupo estiver incompleto... nos reuniremos para um último adeus de um amigo. E entre lágrima nos abraçaremos...

Faremos promessas de nos encontrar mais vezes daquele dia em diante. Por fim, cada um vai para o seu lado para continuar a viver a sua vidinha isolada do passado... E nos perderemos no tempo...

Por isso, fica aqui um pedido deste humilde amigo: não deixes que a vida passe em branco, e que pequenas adversidades sejam a causa de grandes tempestades...

Eu poderia suportar, embora não sem dor, que tivessem morrido todos os meus amores... mas enlouqueceria se morressem todos os meus amigos!!!

Vinícius de Moraes

1 de ago de 2011

Mão Que Ajudam


30/07/2011
Voluntários fazem mutirão de limpeza na Grande Vitória
Voluntários retiraram lixo de ruas e mangue do município de Cariacica.
Mutirão faz parte do dia nacional do projeto Mãos Que Ajudam.

Voluntários dedicaram o dia trabalhando na limpeza de Cariacica, neste sábado (30). Foi um verdadeiro mutirão para a limpeza do mangue de Porto de Santana do município de Cariacica.

Outro grupo se encarregou da limpeza das ruas do bairro Porto de Santana. Os voluntários juntaram o lixo e os garis passaram recolhendo. O mutirão faz parte do dia nacional do projeto Mãos que Ajudam. Organização pertencente à Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias.





O finαl feliz

8 meses

Hα momentos nα vidα que α gente pαrα e pensα: vou desistir! .. mαs por mαis que seja dificil não desistα, dizem que αs coisαs mαis dificeis são αs que mαis vαlem α penα. só desistα quαndo você ver que reαlmente αquilo que você estα fαzendo não vαi dαr em nαdα. o que quαse nuncα αcontece porque tudo que você fαz tem retorno. αs vezes de umα formα positivα, outrαs de umα formα negαtivα. só depende dα suα αtitude. αs vezes você estα só confuso. tαlvez nem sejα αquilo que você quer mαs o que o deixα interessαdo não é o que você vαi conseguir e sim α conquistα, o fαto não ser umα coisα fαcil. pαrte de tudo nα vidα consiste em treinαr o nosso corαção α destinguir o αmor verdαdeiro de um mero cαpricho é αi que α gente descobre que o que não erα prα ser. Nuncα serα. E que o que vαi αcontecer vαi ser melhor do que imαginα. você pode se impressionαr com αs peçαs, confusões e com o finαl feliz que α vidα te reserva ;)

8 de jul de 2011

Anjo de quatro patas




Existem pessoas que não gostam de cães e gatos, estas, com certeza nunca tiveram em sua vida um amigo de quatro patas ou, se tiveram, nunca olharam dentro daqueles olhos para perceber quem estava ali.
Um cão ou uma gato é um anjo que vem ao mundo ensinar amor. Quem mais pode dar amor incondicional, amizade sem pedir nada em troca, afeição sem esperar retorno, proteção sem ganhar nada, fidelidade vinte e quatro horas por dia?
Ah, não me venham com essa de que os pais fazem isso, porque os pais são humanos e quando os agredimos eles ficam irritados e se afastam... Um cão não se afasta mesmo quando você o agride, ele retorna cabisbaixo pedindo desculpas por algo que talvez não fez lambendo suas mãos a suplicar perdão. Alguns anjos não possuem asas, possuem quatro patas, um corpo peludo, nariz de bolinha, orelhas de atenção, olhar de aflição e carência.
Apesar dessa aparência, são tão anjos quanto os outros (aqueles com asas) e se dedicam aos seus humanos tanto quanto qualquer anjo costuma dedicar-se.
Às vezes um humano veste a capa de anjo e sai pelas ruas a catar alguns anjos abandonados à própria sorte, e lhes cura as feridas, alimenta, abriga só para ter a sensação de haver ajudado um anjo...
Deus quando nos fez humanos sabia que precisaríamos de guardiões materiais que nos tirasse do corpo as aflições dos sentidos e nos permitissem sobreviver a cada dia com quase nada, além do olhar e da lambida de um cão... Que bom seria se todos os humanos pudessem ver a humanidade perfeita de um animal carenete!


_________________________________

1 de jul de 2011

SER MÃE É UMA DÁDIVA DIVINA




Que privilégio maravilhoso que Deus concedeu a nós, mulheres, nos dando o poder de gerar !
Mês a mês sentir aquele ser lindo se desenvolvendo dentro de nós , seu coraçãozinho batendo, seus movimentos sorrateiros...É muita bênção!

Que sensação incomparável...gerar uma vida dentro de nosso ventre! É algo tremendo, eu diria que Deus nos amou de tal maneira que nos proporcionou esta experiência inigualável.

Por isso quero homenagear a mulher virtuosa que está inserida em cada mãe.

Nada supera o amor de mãe; a mulher deixa de viver sua própria vida para viver em função de seus filhos, tem um sentimento profundo de amor, dedicação, doação. Sem dúvida é uma doação pois quando você ama, você se doa por completo. A mãe se esforça ao máximo para suprir as necessidades de seu filho, para satisfazer seus desejos, enchê-lo de carinho, mimo, proteção, sempre lutando para que o mesmo atinja seus objetivos. A sua maior realização é ver a felicidade de seu filho.

Por isso quero tirar o chapéu para estas mulheres abençoadas por Deus que segundo Prov 31:10 o seu valor muito excede o de rubins.

30 de mai de 2011

Estou muito feliz e realizada! Estou grávida do(a) meu 1º anjinho, graças a Deus. Confesso que estou com medo, mas confio em Deus

Esta gravida é ...




... ler 50 vezes o resultado positivo do teste para ter certeza que está correcto e ainda sim, não acreditar que deu positivo.

... ficar chocada ao saber que uma gestação dura 40 semanas e não nove meses como se diz por aí.

... imaginar, horas a fio, como será os olhos, os cabelos e a pele do filho que vai chegar. ...
torcer, e muuuuuuito, para que ele nasça perfeitinho.

... nunca mais dizer "ai, se fosse meu filho!" quando encontrar uma criança com acessos de birra no corredor de um supermercado

sair à rua e só ver mulheres grávidas. ... ter sono, muito sono. ... esperar ansiosamente pelo dia da ecografia, e assim que sair de lá, esperar ansiosamente pela próxima!
... aprender a ver o filho nas manchas de uma ecografia.

...ler muito sobre gravidez, saltar o capitulo do parto (pois ainda é muito cedo para se preocupar) e ir direito para os cuidados com o bebê.

... ir as compras e desejar apenas coisinhas para o Bèbè.

... torcer para ficar barriguda. ... ficar muito esquisita e descobrir uma incrível capacidade de sentir todas as emoções numa hora, da alegria descontrolada ao mau humor sem fim.

... acordar várias vezes de madruga para fazer xixi. ... reparar que seu marido fica muito mais interessante como pai do seu filho e perceber que foi o único homem capaz de te presentear com tamanha alegria.

... rir sozinha ao sentir o bebe mexer, mesmo que ele te acorde várias vezes durante a noite, porque não estas numa posição confortável para ele.

Tenho sorte por ter uma família que sempre sonhei

Karina Felipe

21 de mar de 2011

Não Gosto

Karina Felipe

Não gosto de quem não faz por merecer
Não gosto de quem julga sem ter o que dizer
Não gosto de quem fica em cima do muro pra posar de bom moço
Não gosto de quem tem sorriso amarelo estampado no rosto
Não gosto de quem vive com pose de retrato
Não gosto de quem não chora - Ai desses eu to fora!
Não gosto de quem não gosta de criança, idoso, planta, bicho ou poesia
Não gosto de quem vive de pura hipocrisia
Não gosto de quem tem pena de si
Não gosto de quem me quebra em mil pedaços e depois quer colar
Não gosto de quem me sorri pra depois me apunhalar
Não gosto de quem vê graça na desgraça
Não gosto de quem limpa um beijo
Não gosto de quem não é de ninguém
Não gosto de choro de fome
Não gosto de quem aparece do nada e depois some
Não gosto de quem me abraça fraco
Não gosto de quem não me olha nos olhos
Não gosto de quem fala e nada diz
Não gosto de quem tem excesso de auto-estima
Não gosto de quem só faz poesia que rima
Não gosto de quem peca por omissão
Não gosto de quem não tem coração
Não gosto de quem não aposta por medo de perder
Mas será que existe alguém que gosta das coisas que eu não gosto?
Ah isso pra mim tanto faz...
Aliás...
Se baterem em minha porta,não to nem aí pra ninguém...
A não ser pra você, meu bem!



Malu Monte

Fale de mim



Pode falar de mim.
Fale dos momentos em que eu fui ausente;
Mas não esqueça daqueles em que me fiz presente.
Fale das minhas imperfeições dignas de humanos;
Fale da minha vida e dos meus desenganos.
Fale do meu desejo de abraçar o mundo sem medir sua extensão;
Mas cá pra nós, não é que eu tenho a minha razão?...
Fale do meu jeito criança, meio moleca, que às vezes estrapola;
Mas reconheça que por conta dele eu fiz grandes amigos na escola.
Fale do meu sorriso, da minha alegria de viver;
E que, segundo você, te faz enlouquecer!

23 de fev de 2011

INSPIRAÇÃO 9



Você é único.

Ao fazer tudo para agradar o outro, você se abandona
Por Lousanne Arnoldi De Lucca


Os relacionamentos afetivos estão cercados de emoções, pensamentos, sentimentos, posturas que não são só individuais. Neles encontramos normas e valores da sociedade, da religião, dos padrões estabelecidos.

Observe como o homem entra em um relacionamento de uma forma e a mulher de outra. Quando os dois se unem, é preciso compreender que o homem e a mulher são diferentes, trabalham suas emoções e sentimentos de maneira diferente. Mas pode-se viver muito bem esta relação, pois diferenças não são defeitos, são apenas diferenças.

O ruim começa quando você quer fazer tipo para que o outro lhe dê aquilo que quer. Quando começamos o nosso joguinho de poder, a primeira coisa que vai embora é o prazer. Muitas vezes vocês estão juntos não porque se amam, mas porque o outro vendeu-lhe a possibilidade de você se sentir melhor com você mesmo ao estar com ele.

Quando muda o seu jeito de ser, fere o seu organismo e acaba doente. AH! Mas é preciso salvar a relação! É? Mas a que preço? Muitas pessoas têm um ideal na cabeça. O de como deveria ser. Tentam se encaixar num modelinho de par perfeito. Deixam que as normas profanem a relação.

Na verdade as relações ficam conturbadas quando um quer mandar mais que o outro. Um quer manipular mais que o outro. E o desejo de manipulação, de poder, é porque a pessoa acredita que sozinha ela não aguenta. Há por trás disso um medo de abandono, um sentimento de rejeição, e então se submetem por medo de perder a única pessoa que ainda fica do seu lado. Não acreditam em si mesmo, sentem-se inseguros e tentam segurar-se no outro, acreditando que o outro pode trazer a segurança que precisam.

Ao fazer tudo para agradar o outro, você se desagrada. Por medo de ficar sozinho, busca a companhia do outro e se abandona.

Para mudar esse quadro só tem um modo: encarar, confrontar, olhar onde você está se pondo, reconhecer e aceitar a própria condição. Olhar seus pontos fracos, olhar a vaidade, o orgulho, a necessidade de parecer ser algo que não é, as defesas, a vontade de ser amado, aceito, considerado. É preciso se autoescutar. Escutar o que na verdade você não está dando para você e pedindo para o outro.

Você está disposto a ser único? Está disposto a ficar do seu lado, quando o outro quer você do jeito dele? Olhe para você: Como é esse verdadeiro aí? Será que você consegue se por em primeiro lugar? Será que você é capaz de deixar o pensar do outro pelo seu? Será que você sabe olhar e perceber o seu? Será que você é capaz de abandonar a pose, o tipo que fez até hoje e bancar você?

Isso cansa, não é? O cansaço é uma forma suave de a alma falar conosco. Descubra porque está cansado. Escute você. Quando percebemos que forçamos a nossa barra, começamos a ceder, assumindo que não estamos bem e, assim, começamos a voltar para nós. Que tal você olhar para você e se dar aquilo que esta pedindo ao outro?

Relacionar-se é bom, somar é bom, mas para que isso seja verdadeiro é preciso que haja duas pessoas e não uma só, porque a outra deixou de existir para que a suposta relação permanecesse. A autopromoção interior é tirar você das suas ilusões de inferioridade. Ninguém é menos. Promover-se é se por ao lado de sua verdade. Impor-se dentro de si mesmo. Afinal de contas, você merece seu crédito, merece sua atenção e seu respeito.

INSPIRAÇÃO 8



Celebração Especial

Momento de reflexão
Por Lucimara Gallicia


Este texto foi escrito especialmente para vocês leitores, que junto conosco estão sempre à procura de mais conhecimento e maiores possibilidades de vivermos felizes.

As experiências do cotidiano serve m para nos ensinar o modo mais fácil de superarmos os conflitos, desilusões e diversos dissabores que fazem parte de nosso aprendizado.

Nessa caminhada é muito importante que cada de um de nós adquira o hábito de parar e refletir sobre as questões que nos incomodam e, principalmente, reconhecer o quanto somos capazes de modificar qualquer situação indesejável.

O início dessa reversão começa a partir do momento em que nos permitimos a essa comunicação interior; com isso, poderemos identificar com clareza, através de nossas sensações, o que realmente está acontecendo conosco. O exercício nos convida a questionarmos a razão pela qual estamos segurando emoções que nos perturbam e promovam desequilíbrios de diversos efeitos.

Nenhum de nós gosta de sentir-se menosprezado, excluído, carente de atenção e consideração, e com problemas de toda espécie; entretanto, de alguma forma, estamos criando através de nossas atitudes todos esses desconfortos. Apesar de rejeitarmos esse conceito, acabamos por vencidos quando cansamos de sofrer a repetição das situações negativas, e o desespero aponta urgência de uma transformação.

Não há outro caminho a não ser provocar em nós mesmos a ação interior que irá modificar os aspectos exteriores. Tudo aquilo que estamos recebendo de fora e nos atinge tem a ver com a maneira como estamos agindo conosco. Preste atenção na frase de sua reclamação e introjete-a para anular o efeito externo.

Digamos que você aponte que não está sendo respeitado pelos outros; pois bem, verifique se não é você que não está se dando o devido respeito. É possível que você esteja nem posicionando-se como gostaria e nem estipulando limites em sua vida. Após a observação, tente assumir uma nova postura interior, afirmando para si mesmo o quão importante é você se respeitar, atendendo suas necessidades em primeiro lugar e principalmente estipulando limites e ordem em sua vida. Assim, você poderá fazer isso com outros aspectos que surgirem, caso haja dificuldade de encontrar a causa, voltar a prestar atenção em suas sensações e expressar-se em voz alta o desconforto que está sentindo.

Com o passar dos dias, você ficará surpreso de como a situação exterior se modificou através de sua reformulação interior.

Outra dica muito especial, para que possamos neutralizar todas as crenças que geram ?faltas? em nossa vida, é pararmos e agradecermos tudo o que temos; abençoarmos a cada dia o nosso corpo, nossa casa, as pessoas com quem convivemos e todas as oportunidades de aprendizado.

Celebrar a vida é valorizar cada momento de nossa existência. Abençoe tudo e todos; assim, você criará um campo magnético fortíssimo com a energia do amor que se expandirá em sua aura, aumentando seu magnetismo positivo. Entretanto, não se esqueça que, ao expressarmos bondade e gratidão, não estaremos excluindo a postura de firmeza e respeito por nós mesmos e pelos outros.

Nesta época de fim de ano, sentimos essa energia mais presente, porque já aprendemos que, se deixarmos o negativo entrar, acabarão com os bons momentos, e a festa terminará em brigas e desencontros. Que bom seria se assim agíssemos durante todos os dias do ano! Escaparíamos de tantos dissabores...

Aproveitemos cada momento para modificarmos aquilo que nos incomoda, porque quando estamos de bem conosco, somos uma excelente companhia e passamos a receber muito mais do que imaginamos.

Celebre de forma especial, seja criativo e expresse do jeito que quiser o quanto você gosta das pessoas que convive. Dê a sua participação e compartilhe dos seus sentimentos verdadeiros com total segurança. Afinal você é muito especial!

Desejo a todos muitas alegrias para o Ano Novo!

INSPIRAÇÃO 7



Bela como as crianças

Beleza é uma atitude do espírito!
Por Luiz Gasparetto para o site M de Mulher


Dietas, tratamentos estéticos, novas tecnologias a favor da beleza? A mulher de hoje vira escrava de todo esse arsenal para conquistar a tão desejada perfeição física. Pois eu lhe digo: beleza é uma atitude do espírito! Quando você sintoniza corpo e alma, acaba desenvolvendo uma visão e audição melhores. A captação dos sentidos se estabelece quando você harmoniza seu corpo com seu lado espiritual. E quem está na harmonia está bem, está bela - é bela!

Sim, eu sei como é difícil aceitar esse conceito. Afinal, a nossa cultura dita um padrão de beleza limitadíssimo. Por isso, apenas um pequeno número de pessoas aproxima-se dele. Então, tome cuidado, não entre nessa! Caso contrário, você irá realmente se ver e sentir-se feia, agindo de acordo com essa visão. Aliás, você sabia que o modo de ver dirige a nossa vida, as nossas escolhas e as nossas atitudes? Então, trate de enxergar com os olhos do espírito. Dessa maneira, sua vida se apresentará muito mais rica e cheia de possibilidades.

É isso, pessoal, a beleza não está somente na aparência física. Está no modo como você sorri, fala, anda, se mexe, se comporta... A beleza está no modo como você é e se coloca. Sabe aquela mulher que está fora de forma, mas se sente tão bem consigo mesma que acaba conquistando o mundo? Então.

Quando há espírito e há verdade, a beleza surge. E é justamente esse tipo de beleza que precisamos atingir. Todo mundo gosta de beleza, não é mesmo? Afinal, ela traz muitas vantagens. Vamos falar a verdade: feio não tem vez neste mundo. Pergunte a qualquer um se prefere o feio ou o bonito. Todo mundo quer o bonito ? um carro, uma casa, um namorado? Imagine-se num jantar com comida à vontade: ao ver um prato bonito, você não resistirá e acabará comendo-o. É por aí.

A feiura não é um destino: é um estado de espírito. A pessoa é responsável por estar feia. E não adianta me falar que eu devo compreender. Não! De coração aberto: não posso aceitar alguém que se põe feia, que come com desleixo e se deixa levar pela ansiedade e por loucuras que lhe vêm à cabeça. Quem não se gosta e não se preserva acaba virando um trapo mesmo!

No entanto, se você passou por dificuldades, dores e sofrimentos que causaram esse estado "feio" em você, paciência. Já foi. Agora é hora de mudar. Como? Assumindo o espaço interior da beleza. Quanto mais tiver autoconfiança, mais se desinibirá. Mais ousada ficará e melhor irá sentir-se. Vamos lá, gente! Incorpore a mulher bela. Aos poucos, essa energia entrará e atuará em você. A vida começará a funcionar melhor. Pode escrever aí: você vai conseguir coisas que há anos não consegue. E, acima de tudo, passará a ser tratada como alguém de valor.

Quando você se faz bela, usa a inteligência, o bom humor e o poder de sedução. Resultado: você é coroada com graça, elegância e prosperidade. Sua relação com as pessoas também melhora no dia a dia ? seja em casa, com os amigos ou no ambiente profissional. Por outro lado, se continuar colocando-se no lugar de feia, nada funcionará, viu? Vence na vida quem ousa ir além. Então, vamos lá: realize-se!

INSPIRAÇÃO 6



Sorria!

Contagie as pessoas com sua alegria.
Por Mônica de Castro


Para o nosso dia ser mais feliz, temos de nos acostumar a sorrir, mesmo quando provocados pela agressividade do outro, que nada mais é do que um instrumento para despertar algo que precisamos ver e reconhecer em nós. É claro que é difícil sorrir quando somos agredidos, mas se não respondermos à agressão, se conseguirmos manter a serenidade e a paciência, o sorriso voltará espontaneamente, assim que o momento de tensão passar.

Precisamos acabar com o mau humor. Ele é contagiante e provém diretamente de nosso corpo emocional, que impressiona outros corpos emocionais, que estejam mais sensíveis e aptos a captá-lo. O sorriso, por outro lado, reflete um estado de espírito em alto astral e também se origina do corpo emocional, que vibra na intensidade da alegria e, consequentemente, é capaz de contagiar. Ou seja, somos capazes de enviar àqueles que nos rodeiam os sentimentos que decorrem de nosso mau humor ou de nosso sorriso. Cada um receberá essas impressões como pode, de acordo com o estado de espírito, direcionado pelo princípio das afinidades. Cabe a nós, portanto, escolher com que energias vamos nos identificar.

Sorrir sempre não significa ser dissimulado quando estamos com raiva ou com vontade de chorar. Devemos, acima de tudo, sermos sinceros conosco. O falso sorriso também não faz bem a ninguém. Precisamos aprender a vivenciar o sentimento e, quando necessário, tentar transformá-lo em algo mais positivo e saudável. Assim, se estamos com raiva, por exemplo, o melhor é reconhecê-la, assumi-la e então transformá-la. Quando aprendemos a fazer isso com simplicidade e naturalidade, esvaziamos o corpo astral e abrimos espaço para sentimentos mais felizes e capazes de restabelecer, em nós, a capacidade de sorrir.

Transformar um sentimento que nos faz mal significa levá-lo a outro extremo, ou seja, tentar fazer dele o sentimento inverso que vibra no lado oposto da mesma linha: para o ódio, amor; para tristeza, alegria; para irritação, tolerância; para inveja, admiração. E por aí vai. Nem sempre conseguimos fazer isso, contudo, o importante é tentar. Sem a tentativa, não corremos o risco de fracassar, mas também não há vitória. E quem não quer sentir-se vitorioso sobre suas próprias dificuldades? O que não podemos é deixar que as dificuldades nos vençam.

Assim, vamos compreendendo que o sorriso há de ser o nosso estado natural permanente. Feições duras, tristes, iradas, impacientes, debochadas e outras tantas, que só a natureza humana conhece, hão de ser transitórias. Por isso, é tão importante cultivarmos o sorriso. Aos pouquinhos, vamos aprendendo a substituir nossas caretas pelo exercício constante de sorrir e, em pouco tempo, descobriremos que temos o poder de decidir se queremos ou não ser afetados pelas agressões externas.

Diante da vida, exercitaremos mais o sorriso e contagiaremos aqueles que ainda não conseguiram aprender a liberar suas emoções de forma saudável, harmoniosa e feliz.

INSPIRAÇÃO 5



Livre para viver

Uma questão de estado de espírito.
Por Valcapelli para o Portal Onne


A liberdade não deveria depender das situações externas, ela pode ser constituída, na sua essência, pela condição interna. Ser livre é mais um componente do interior do que dos fatores externos, melhor dizendo, um estado de espírito. É dar vazão à expressão natural do ser, apesar de se nortear pelas condições do meio. Ela é produzida por atributos interiores e os fatores externos não a garantem, tampouco, determinam sua perda. As limitações da vida, as restrições econômicas e os limites sociais não oprimem tanto quanto as crenças limitadoras, instaladas no interior das pessoas.

Vivemos num país livre, como sugere o verso do hino da Proclamação da República, que transmite essa condição da nação brasileira: "Liberdade! Liberdade! Abre as asas sobre nós!". No entanto, isso não é suficiente para que as pessoas se sintam verdadeiramente livres. As teias emocionais instaladas no interior do ser restringem a alegria de viver.

A dependência alheia e as crenças repressoras criam um emaranhado psicoemocional conflituoso. De um lado, o ser com as suas vontades, sedento de experimentar as delícias da vida; de outro, os conceitos internalizados, tais como as crenças proibitivas e as fragilidades, que limitam a própria pessoa, promovendo uma espécie de aprisionamento emocional.

Vejamos o caso de um indivíduo de meia-idade, que já criou três filhas, todas já casadas e independentes. Ele vive com a esposa; nesse momento, vem à tona um sonho antigo do casal: de viajar pelo país, morando numa casa motorizada, levando no interior desse veículo uma motocicleta. Provavelmente, algumas pessoas comungam desse mesmo desejo.

No caso em questão, a criação de três filhas, naturalmente, restringe a liberdade do casal. Porém, existem outros fatores que restringem ainda mais a liberdade; ele pertence a uma religião com inúmeras crenças restritivas, que priorizam a instituição religiosa e a comunhão entre os seguidores. Esses conceitos restritivos podem ser um dos maiores agravantes da sensação de falta de liberdade, que é minimizada pelo intenso desejo de sair viajando pelo país, para sentir-se livre. No entanto, se não conseguir desvencilhar-se das amarras internas, nenhum movimento exterior será suficiente para que se sinta verdadeiramente livre.

Como a liberdade deveria estar calcada nos fatores internos, a mera busca exterior não é eficiente para conquistá-la. Faz-se necessário realizar um trabalho interior; de outra forma as tentativas externas resultarão em insucesso.

Aquele que sente que um relacionamento tira a sua liberdade, por exemplo, não se solta para viver um grande amor; permanece preso ao que os outros vão pensar a seu respeito; tenta agradar de todas as formas; com isso, estabelece constante vigilância quanto à maneira como se comporta perante as pessoas com quem se relaciona. Essa condição tanto sufoca o sentimento de amor, quanto prejudica a liberdade.

Não devemos, no entanto, confundir liberdade com libertinagem. O modo extravagante que algumas pessoas escolhem para viver prova a falta de fluidez emocional. Geralmente as pessoas desregradas são aquelas que não conseguem se desvencilhar das amarras da mente ou da força supressora de algumas crenças limitadoras. Sua conduta irreverente visa quebrar os paradigmas da própria mente. É a forma que elas encontraram para experimentar a sensação de serem livres. Porém, essa sensação agradável não perdura, por isso precisam estar sempre buscando novas extravagâncias. Esses comportamentos são vazios, pois partem de fora para dentro e não de dentro para fora.

INSPIRAÇÃO 4



Perca o medo de ser feliz

Você é feliz quando é autêntico e vive com a alma.
Por Luiz Gasparetto para o site M de Mulher


"Tá" aí o grande mal da vida moderna: o estresse. Há quem consiga escapar dele? Duvido. O que a gente vê por aí são pessoas agitadas, inquietas, prestes a estourar. Pois eu lhes digo que o estresse é o irmão gêmeo do medo. Ou seja, mesmo quando nada acontece, o indivíduo imagina e alimenta situações negativas. "Ah, mas será??", "E se??", "Eu não vou aguentar!". Ele se desespera, acreditando em coisas ruins e mantendo o corpo em permanente estado de alerta.

Resultado: ele fica realmente doente. A afirmação "Você está estressado e precisa descansar" é equivocada. Na verdade, a pessoa tem de sair do medo. Ela não pode se deixar levar pelas fantasias trágicas. Insisto: a chave do medo é o pensamento ruim. Você pode até me perguntar: "Mas não existem coisas perigosas?". Sim, mas o medo é uma fantasia projetada sobre o terror. Você precisa ter disciplina para controlá-lo. A capacidade imaginativa do homem é responsável pela criatividade e pela inteligência. Ela pode ser tremendamente positiva quando se está com os pés no chão.

Ela nos ajuda, por exemplo, a resolver problemas e a criar soluções inovadoras. No entanto, quando perdemos a razão, essa capacidade torna-se descontrolada. Se for para o lado ruim, a fantasia começa a crescer e assume imagens negativas, como se fossem verdadeiras. O medo anula a motivação, o prazer e a felicidade. Não é isso que você quer, certo?

Para aliviar esse estado tão incômodo que chamam de estresse, preparei uma meditação que irá equilibrá-la internamente e coroá-la com grandes doses de autoconfiança para enfrentar as mais diferentes situações. Vamos lá? Leia o texto a seguir em voz baixa:

"É muito bom estar comigo. Estou aqui, agora, focando toda a atenção sobre mim. Pensamentos, emoções e sensações podem vir, mas vou deixá-los passar para concentrar-me exclusivamente no meu eu. Quero, a partir de agora, ser minha amiga, abandonar minhas ilusões e procurar o caminho da inteligência. Sim, quero provar ao máximo a inteligência, pois sei que ela evita o sofrimento. Estou aqui para me tratar bem: não quero me depreciar ou me rotular. Quero que esse encontro comigo seja um marco em minha vida interior. A partir de agora, serei conscientemente responsável por mim. Não quero deixar simplesmente o mundo me levar. Quero parar, me educar, selecionar meus valores, observar como funciono e jamais me julgar. Nunca irei me ameaçar ou me condenar por algo que eu faça ou deixe de fazer.

Vou aliviando, agora, a pressão do perfeccionismo que exige de mim um padrão contrário a meu espírito. Ele me machuca, me entristece e me marca. Não posso permitir tal pressão. Sei que sou feliz quando sou autêntica e quando vivo com a alma. Aliás, minha alma é maravilhosa, muito sensata e sábia. Ela tem bom-senso e bons sentimentos. Somente a alma humaniza, preenche e realiza. Aí sim, sou boa e alegre, e a vida tem o seu sabor. De hoje em diante, não haverá mais culpa, dúvidas e medos. Haverá apenas a minha aceitação integral e minha cooperação comigo mesma. Eu me tornarei mais forte, capaz de passar com leveza pelas maiores dificuldades e pelos maiores desafios."

INSPIRAÇÃO 3



A consciência do perdão

Quem perdoa amplia os horizontes.
Por Valcapelli para o Portal Onne.


O ato de pedir perdão pelo que fez ou pelos exageros que cometeu deve ser acompanhado da consciência dos motivos que levaram a pessoa a proceder daquela forma. Pode-se dizer que tão importante quanto ser perdoado pelos outros é perdoar-se. Essa condição promove a libertação dos emaranhados do arrependimento e da culpa.

A pessoa que busca retratar-se com os outros, remove de seu "coração" as angústias geradas pelas ocorrências e pelo arrependimento do que fez. Também minimiza os abalos emocionais causados inclusive a si mesma. Pois a autocondenação corrói os potenciais do ser.

A consciência dos fatores que impulsionaram as ações desastrosas minimiza a angústia de quem as praticou, provocando prejuízos a outrem.

Pedir perdão a alguém é uma ação que requer que a pessoa saia da condição de superioridade e reconheça suas falhas, retratando-se com aquele que ofendeu.

Quando a pessoa consegue formular um pedido de perdão é que ela se despojou do orgulho e eliminou a vaidade, sentindo-se numa condição de igualdade com outros, passiva a erros que todos podem cometer. Só não erra quem nada faz. Aquele que se põe a realizar algo na vida está sujeito a ?escorregar? em algum momento.

Em relação à pessoa a quem o perdão é dirigido e que foi afrontada pelos episódios, no mínimo desagradáveis, podendo até ter sido agredido física ou moralmente, perdoar é um ato que anula os reflexos da situação ruim a que foi exposta.

Ao contrário do perdão que liberta quem dá e quem o recebe, a vingança é um sentimento que aprisiona emocionalmente quem se sente vítima dos acontecimentos e se põe a revidar o ocorrido. Esse procedimento só agrava a dor e o desconforto, que tiveram início em algum momento da vida, provocados por alguém que agiu de maneira exagerada, equivocada ou impensada.

Ninguém tem poder de se infiltrar no universo alheio e plantar o mal no coração. Somente a própria pessoa pode germinar a semente do mal dentro de si. Ainda que seja instigada pelos episódios exteriores, a própria pessoa é responsável por aquilo que a abalou. Mesmo sendo provenientes de outros, de alguma forma ela permitiu que as situações ruins infiltrassem em seu ser.

Portanto, quem se sente injustiçado é porque estava numa condição receptiva, de forma a permitir que os maus procedimentos alheios entrassem em seu coração.

Conceder o perdão liberta as pessoas dessas amarras instaladas em suas emoções. Perdoar é sair da esfera dos sentimentos impuros e assumir uma conduta elevada, que exige desligar-se dos inconvenientes e colocar-se fora das esferas de intrigas, tomando novos rumos na vida.

Independente de o outro merecer o perdão, quem o concede eleva-se. Remove as imperfeições. Perdoar não significa esquecer o ocorrido, mas não sofrer pelo que já aconteceu. É dar continuidade aos processos existenciais em vez de viver do passado ou arrastar os vestígios para o presente. É não fazer exatamente as mesmas coisas, mas dar-se novas oportunidades para vivenciar experiências semelhantes, porém com mais chance de dar certo. É deixar de ser empolgado e inconsequente, para tornar-se consciente dos fenômenos existenciais.

Quem perdoa amplia os horizontes e se despoja dos resquícios que engessam a contemplação da vida, atrapalhando a evolução do ser.

INSPIRAÇÃO 2



A família espiritual

Estamos todos ligados ao único Pai.
Por Mônica de Castro


A família é um dos maiores fatores de crescimento que Deus pôs à disposição do homem. É pela família que nos unimos por laços de amor ou de ódio, reforçando afinidades ou criando novas. Seja harmoniosa ou não, a família tenta nos unir para que possamos desenvolver o sentimento maior que viemos aprender na terra: o amor.

Quando nascemos, ganhamos uma família. Todos nós temos ou tivemos pais, e a primeira condição do ser humano, nesta vida, é a de filho. Sendo essa a nossa primeira condição na Terra, temos de reconhecer o esforço daqueles que nos permitiram aqui chegar. Não é por outro motivo que o Evangelho diz: "honrai vosso pai e vossa mãe".

A eles devemos, ao menos, a vida. Mas dever a vida não é simplesmente a oportunidade de estarmos aqui, neste mundo. Vai muito além disso. É por intermédio de nossos pais que começamos a realizar as experiências a que nos propusemos nesta vida. Por isso, nossos pais nos dão a vida material e a espiritual também, porque por meio deles o nosso espírito se prepara para crescer.

Seria uma ilusão falarmos que todas as famílias vêm unidas por laços de amor. Nós sabemos muito bem que muitos estão juntos por elos de ódio, ressentimento, culpa etc. Daí vêm as dificuldades. Muita gente se pergunta: por que fui nascer nesta família? Não tenho nada a ver com ninguém aqui. Tem. Se não tivesse, ia procurar outro lugar para reencarnar. Pode não ter afinidade de sentimentos ou pensamentos, mas, com certeza, possui afinidade na necessidade da experiência. Quando duas pessoas nascem na mesma família e não se dão, é porque têm em comum a experiência do aprendizado da conquista do amor, do respeito e do perdão.

Qualquer um que conviva conosco faz parte de nossa família. Temos uma família de sangue, uma no trabalho, na escola, no templo religioso. Temos um pai, uma mãe e somos todos irmãos. Por isso, podemos exercitar todos esses sentimentos uns com os outros. Diante da espiritualidade, ninguém é parente de ninguém e todo mundo é parente de todos. A família espiritual é imensa e abrange toda a humanidade, porque estamos todos ligados ao único Pai, que é Deus.

O mais importante de tudo é aprendermos o valor do amor. Seja em que família viermos, ou mesmo em família alguma. A solidão também é uma forma de aprendizado e crescimento, muitas vezes para que possamos reconhecer e dar valor aos laços de família. Quando pensamos que aqueles que caminham conosco nada têm a acrescentar em nossa vida e procuramos nos afastar ou desfazer deles, talvez tenhamos que vir sozinhos para aprender como é importante ter alguém ao nosso lado, compartilhando o mesmo teto e enfrentando os mesmos problemas. Isso fortalece os laços de família e os de amor também.

Então, que possamos todos nos amar indistintamente, para aumentarmos cada vez mais a nossa família, que formaremos com aqueles seres com quem já tivermos conquistado o verdadeiro sentimento de amor.

INSPIRAÇÃO

Fique do seu lado

Seja sempre a sua melhor amiga.
Por Luiz Gasparetto para o site M de Mulher.


Quero ensinar você a meditar para vencer as próprias resistências. A ideia é fortalecer sua autoconfiança e remover os obstáculos pessoais, internos, que minam sua realização. Para que tudo dê certo em sua vida, você precisa estar do seu lado - acima de tudo. Então, vamos lá: coloque uma música suave de fundo, relaxe e leia a meditação a seguir.

Eu tenho o bem e ele vai me envolver. Ele vai inspirar em mim os bons sentimentos, a compreensão de situações que eu não estava entendendo. O bem apontará caminhos para meus problemas. Eu cultivo a responsabilidade e quero, de verdade, melhorar. Largo o egoísmo e passo a ter uma visão mais profunda da vida. Supero o julgamento e observo melhor a natureza das coisas.

Estou despertando e quero ir pelo caminho mais prático. Eu me sinto inspirada por essa grande luz da vida. Tenho dentro de mim o empenho de acertar, a humildade de assumir meus próprios erros, o desapego. A vida me dá essa lucidez. E essa lucidez me faz perceber o que meu espírito quer.

Se eu estou falhando, meu espírito vai me mostrar. E eu vou passar a entender muita coisa. Meu espírito precisa da lucidez para se realizar, então, vou sentir a mente aberta. Digo e repito: eu sou ótima, eu não aceito a maldade que este mundo quer colocar em mim. Não aceito que apontem meus defeitos! Eu sei que tenho pontos a melhorar, mas não defeitos.

Quero desenvolver comigo uma relação forte e boa. Quero ter autoconfiança e ser quem sou. Preciso assumir o que sinto, porque quero estar firme comigo. Sei que, a partir disso, tudo dará certo. Eu sou o que sou ? basta! Não quero me condenar mais. Isso é ignorância. Quero refletir, olhar mais fundo. Não quero mais essa visão curta, achar que os outros sabem mais que eu.

Quero dizer que estou muito aberta para enxergar o que for preciso. E sei que, para ver a verdade, devo ser bastante corajosa. Não quero dar trabalho para mim mesma. Não quero escolher o caminho mais difícil. Quero apenas trabalhar o bem e aproveitar a vida. Sou da paz, da cooperação. Porque isso é uma opção. Vou optar pela mansidão e pela inteligência. É nesse clima que eu quero ficar, porque essa é minha atitude.

Poesias,Contos...Queria viver deles...

"Escrever é procurar entender, é procurar reproduzir o irreproduzível, é sentir até o último fim o sentimento que permaneceria apenas vago e sufocador. Escrever é também abençoar uma vida que não foi abençoada."
Clarice Lispector

Volte Sempre

Sua visita me deixa muito feliz