Translate - Tradutor

VISITANTES

Seguidores Amados

Pesquisar este blog

6 de dez de 2012

TUDO POR AMOR: Bloco de Notas

TUDO POR AMOR: Bloco de Notas: Evito escrever, às vezes. Mas, hoje não consegui. Hoje, não resisti ao ícone do Bloco de Notas me chamando na barra de tarefas: vem-que...

Bloco de Notas


Evito escrever, às vezes. Mas, hoje não consegui. Hoje, não resisti ao ícone do Bloco de Notas me chamando na barra de tarefas: vem-que-eu-sei-que-você-me-quer. É, te preciso, talvez. Sempre que estou meio down, evito escrever. Sei que não vai sair nada legal, não vai sair nenhum texto bacana, nem nada que vá me trazer boas recordações no futuro – bem próximo, aliás. Mas, sabe, se me perguntarem o porquê nem eu sei dizer, acho. Nem Freud é capaz de me explicar, meu bem.

Tem dias que a gente cansa de tudo - e de muitas outras coisas também. E até a brisa leve de toda tarde, que antes acalmava, ficou chata de repente. De tanto ser delicada, deixou de acalentar. Santa Chuva vai tocando no meu repertório mental e eu chovo por dentro – de sal. Tem dias de sereno fino que se tornam tempestade. Chove aqui por dentro e, lá fora, as estrelas riem para a lua, como quem convida - me convida. Amanhã vem o sol. Eu sei. Mas, hoje é frio. E ainda chove.

Tem noites que a gente só precisa de mais espaço na cama pra caber um pouco mais de saudade. A gente só precisa de um tempo pra deixar tudo fazer sentido e, no meio de tudo isso que se perde sem nexo, encontrar uma forma de ir, sem pensar, sem lembrar, nem olhar pra trás. Tem madrugadas que o silêncio te fala verdades que você não merecia ouvir. Evito escrever em dias assim, não gosto de discussões. Mas, hoje não deu. Hoje, a vontade escorregou pelos meus dedos e foi lá pro Bloco de Notas desabafar.




Fonte: adocecomlimao

4 de dez de 2012

Coisas da Vida


Se apaixonar.
Rir até sentir o rosto doer.
Uma praia.
Um supermercado sem filas.
Um olhar especial.
Receber cartas ou e-mails.
Dirigir numa estrada bonita.
Escutar sua música preferida no rádio.
Um banho de espuma (avec).
Uma boa conversa.
Um banho quente.
Achar uma nota de R$100 na suablusa do inverno passado.
Rir de você mesmo.
Ligações à meia noite que nunca terminam.
Rir sem absolutamente razão nenhuma.
Ter alguém pra te dizer que você é bonita(o).
Rir por alguma coisa que você lembrou.
Os amigos.
Amar pela primeira vez; pela segunda,pela terceira, ...
Ouvir, acidentalmente, alguém falar bem de você. Acordar e perceber que ainda faltam algumas horas para dormir.O primeiro beijo.
Fazer novos amigos ou ficar junto dos velhos.
Conversas à noite com seu colega de quarto que não te deixa dormir.
Alguém brincar com o seu cabelo.
Bons sonhos.
Chocolate quente.
Viagens com os amigos.
Dançar.
Beijar na boca.
Ir à um bom show.
Ter calafrios ao ver "aquela" pessoa.
Ganhar um jogo difícil.
Passar o tempo com os(as) amigos(as).
Ver os(as) amigos(as) sorrir ou rir.
Segurar a mão de um(a) amigo(a).
Encontrar com um(a) velho(a) amigo(a) e descobrir que tem coisas que nunca mudam.
Descobrir que o amor é eterno e incondicional.
Abraçar a pessoa que você ama.
Ver a expressão de alguém que ganhou um presenteque queria muito de você.
Ver o nascer do sol. Levantar todo dia e agradecer a Deus por outro lindo dia!!!!
E nunca esquecer de dizer: Meu Deus como sou feliz assim, Graças a Ti meu Pai... Amém...

Poesias,Contos...Queria viver deles...

"Escrever é procurar entender, é procurar reproduzir o irreproduzível, é sentir até o último fim o sentimento que permaneceria apenas vago e sufocador. Escrever é também abençoar uma vida que não foi abençoada."
Clarice Lispector

Volte Sempre

Sua visita me deixa muito feliz