Translate - Tradutor

VISITANTES

Seguidores Amados

Pesquisar este blog

21 de mar de 2011

Não Gosto

Karina Felipe

Não gosto de quem não faz por merecer
Não gosto de quem julga sem ter o que dizer
Não gosto de quem fica em cima do muro pra posar de bom moço
Não gosto de quem tem sorriso amarelo estampado no rosto
Não gosto de quem vive com pose de retrato
Não gosto de quem não chora - Ai desses eu to fora!
Não gosto de quem não gosta de criança, idoso, planta, bicho ou poesia
Não gosto de quem vive de pura hipocrisia
Não gosto de quem tem pena de si
Não gosto de quem me quebra em mil pedaços e depois quer colar
Não gosto de quem me sorri pra depois me apunhalar
Não gosto de quem vê graça na desgraça
Não gosto de quem limpa um beijo
Não gosto de quem não é de ninguém
Não gosto de choro de fome
Não gosto de quem aparece do nada e depois some
Não gosto de quem me abraça fraco
Não gosto de quem não me olha nos olhos
Não gosto de quem fala e nada diz
Não gosto de quem tem excesso de auto-estima
Não gosto de quem só faz poesia que rima
Não gosto de quem peca por omissão
Não gosto de quem não tem coração
Não gosto de quem não aposta por medo de perder
Mas será que existe alguém que gosta das coisas que eu não gosto?
Ah isso pra mim tanto faz...
Aliás...
Se baterem em minha porta,não to nem aí pra ninguém...
A não ser pra você, meu bem!



Malu Monte

Fale de mim



Pode falar de mim.
Fale dos momentos em que eu fui ausente;
Mas não esqueça daqueles em que me fiz presente.
Fale das minhas imperfeições dignas de humanos;
Fale da minha vida e dos meus desenganos.
Fale do meu desejo de abraçar o mundo sem medir sua extensão;
Mas cá pra nós, não é que eu tenho a minha razão?...
Fale do meu jeito criança, meio moleca, que às vezes estrapola;
Mas reconheça que por conta dele eu fiz grandes amigos na escola.
Fale do meu sorriso, da minha alegria de viver;
E que, segundo você, te faz enlouquecer!

Poesias,Contos...Queria viver deles...

"Escrever é procurar entender, é procurar reproduzir o irreproduzível, é sentir até o último fim o sentimento que permaneceria apenas vago e sufocador. Escrever é também abençoar uma vida que não foi abençoada."
Clarice Lispector

Volte Sempre

Sua visita me deixa muito feliz