Translate - Tradutor

VISITANTES

Seguidores Amados

Pesquisar este blog

26 de ago de 2011

Ser casada é ...


Dormir coladinho, dormir de calcinha, dormir sem calcinha...
Acordar sorrindo, acordar suado, acordar pelado...
Catar roupa suja, catar roupa limpa, catar roupa espalhada, catar cueca jogada... argh

Ser casada é ter um espaço que é só teu, ter alguém que não é só teu mas é como se fosse.
É receber carinho ao acordar, beijinho pra trabalhar e um abraço apertado quando chegar.

Ser casada é ter alguém por perto quando tudo parece estar de cabeça pra baixo, quando você está perdida, e se sentindo abandonada.
É fazer planos, desejar uma casa maior, um carro melhor e um orçamento muuuito mais alto.
É assistir filme coladinho, comer pipoca, assistir jornal, e não se preocupar com a hora de ir embora.
É fazer compras e achar esse o passeio mais legal do mundo. É encher o carrinho de besteiras e descobrir que não dá pra sobreviver só com isso.

Ser casada é você cozinhar e ele lavar a louça. Você colocar a roupa na maquina e ele estender. Você arruma o quarto, ele a sala. O banheiro e a cozinha limpam juntos, e é sempre bom terminar juntos...

Ser casada é se adaptar a nova rotina, sentir falta das amigas, da bagunça. É brigar por besteira e se reconciliar na cama. É lavar, passar, cozinhar, limpar, chorar, gritar, beijar, sorrir e amar, amar demais.

Ser casada não é fácil, é respirar fundo... é respeitar o outro. É querer sumir e até querer voltar a antiga vida, mas é tão bom dormir coladinho, sorrir junto, chorar junto, brincar junto... que você desiste e percebe que é bom ser noiva, mas melhor ainda é ser casada.


Ai ai, ainda me adaptando a nova vida... é difícil. As vezes ainda tenho minhas crises, mas ainda assim não troco a vida e o momento que estou vivendo por nada.

Um comentário:

Sorriso de Menina disse...

Ser casada não é fácil, mas é bom.
:)

Poesias,Contos...Queria viver deles...

"Escrever é procurar entender, é procurar reproduzir o irreproduzível, é sentir até o último fim o sentimento que permaneceria apenas vago e sufocador. Escrever é também abençoar uma vida que não foi abençoada."
Clarice Lispector

Volte Sempre

Sua visita me deixa muito feliz